Notas sobre o funcionamento do site

Voltar à disposição inicial da página.

Restaurar

barra login

O novo CEO da REN




A REN prepara nova ‘comissão executiva’ que terá agora 5 membros e deverá ser marcada pela formal dos chineses no ‘top management’ da empresa. Tudo indica que o CEO desta nova ‘executiva’ virá de fora e trará com ele dois ou três colaboradores de topo. Rui Vilar (que se manterá como ‘chairman’) esteve há dias na China e, certamente, não foi fazer turismo… O nome do novo CEO tem estado a ser escondido, mas o “IE” sabe, com 99% de certeza (o 1% é para os “imprevistos”…), que o “ungido” é um homem da EDP, que ao passar para a REN continua num universo chinês… O nome? Martins da Costa.

Bullying e stress no BES

Um clima de bullying instalou-se no BES, nestes últimos meses. Funcionários e mesmo quadros superiores sentem-se pressionados e empurrados para a porta. Já começaram também a aparecer “sondagens desonestas” para rescisões e outros afastamentos a “preços de saldo”… O “stress” está instalado e também saudades de Ricardo Salgado.

“Inteligência Económica” na TAP

O processo de alienação da TAP tem demorado bastante mais do que outros porque apresenta uma característica rara: é acompanhado ao pormenor por uma equipa estrangeira de “inteligência económica”, muito bem capitaneada… Equipa que tem monitorizado e esmiuçado tudo do dossier e todos que dele se aproximam. Pode ser que, assim, a coisa não corra tão pessimamente como previsto…

“Muito agradecidos a todos…”

Ao “califado” do Daech, à al-Qaeda, ao camarada Putine, aos chineses com ou sem tríades… Assim se expressava há dias um velho senhor do universo da Defesa, com um sorriso muito irónico a bailar-lhe no rosto. “Repare-se, o Daech ao avisar que queria anexar a Península Ibérica deixou tudo borrado e em estado mental de sítio, pois políticos e gente dessa descobriram, de repente, que as vulnerabilidades eram mais que muitas; a al-Qaeda ameaçou “atravancar” o Estreito de Gibraltar e foi uma loucura para se perceber como travar com sucesso um plano desses; o Putine mandou passear por cá uns navios e uns aviões e foi uma aflição; os chineses com mais ou menos gold nos vistos andam por aí a fazer sabe-se lá o quê e até os americanos ficaram, de repente, de orelhas alerta… Portanto, só temos que agradecer a toda esta gente ter tido a simpatia de fazer a chamada à realidade.” E concluiu: com alguma sorte, isto ainda vai ser muito giro…”. Pois é…

Tropas russas no coração da UE

Um exercício militar conjunto, entre russos e sérvios, decorreu a 30 milhas de território NATO, na localidade de Nikinci, a oeste de Belgrado, no dia 14 deste mês. As tropas de Putine vieram assim a território “enclavado” no seio da União Europeia realizar um “exercício anti-terrorista”. Três semanas antes, Putine tinha estado na Sérvia para participar, ao lado dos líderes sérvios, no desfile militar da comemoração do 70º aniversário da libertação de Belgrado do jugo e ocupação pela Alemanha nazi.

Obrigado, Isabel dos Santos

A inesperada e brilhante jogada de Isabel dos Santos no triste caso da PT, seja o resultado final o que for, já permitiu perceber duas coisas: Primeiro, a senhora sabe muito bem ter iniciativas e mexer-se no mundo dos negócios e, segundo, fez já pela PT muito mais que o governo de Passos (que gere o dossier com os pés) e obriga a concorrência a abrir os cordões à bolsa para a enfrentar e ainda impediu uma transação ao desbarato. O governo e a PT devem-lhe um “obrigado, drª Isabel dos Santos”. Por uma vez, sejam bem educados…

Presidente deposto do Burkina Faso em Marrocos

Blaise Compaoré, o ex-presidente do Burkina Faso, deposto por uma revolta popular seguida de intervenção militar para “restabelecer a ordem no país” (este parece ser agora o modelo aceitável de ‘golpe de estado’: revolta popular seguida de intervenção militar articulada com os revoltosos…) está refugiado, desde o fim de Outubro, na capital da Costa do Marfim (para onde foi exfiltrado por uma equipa das ‘forças especiais’ francesas que Hollande mandou salvá-lo). Mas as relações e sensibilidades com a Costa do Marfim são delicadas e, portanto, Blaise Compaoré precisava de um lugar mais tranquilo e recatado. Está encontrado. É Marrocos, onde é esperado a qualquer momento. Compaoré tinha, aliás, passado as suas férias, na segunda quinzena de Agosto, em Marrocos e… em Portugal, de cujas praias e cultura é um apreciador.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Posts relacionados:

  • Não existem posts relacionados.

Deixe um Comentário

 


Compression Plugin made by Web Hosting